quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Pessoas = Jesus

Reprodução
Sempre trabalhei diretamente com pessoas – com atendimento ao público e agora Deus me deu o privilégio de trabalhar numa área que sempre quis: Recursos Humanos. Com o passar do tempo, precisei lidar com os mais variados tipos de pessoas e em diferentes situações. E aprendi que às vezes tudo que uma pessoa precisa é simplesmente desabafar, ou de ajuda para solucionar um problema. Se ela te trata mal num determinado momento nem sempre quer dizer que ela é assim, mas que está daquela forma por conta das circunstâncias. Escuto de muitas delas que sou uma pessoa calma, gentil, e atenciosa. Agradeço a Deus por transmitir às pessoas essas qualidades, pois tenho convicção de que são dons DEle. 

Em Colossenses 3:17 e 23, Paulo nos ensina dois princípios que devem dirigir as nossas ações todas as vezes que nos relacionarmos com as pessoas, não importando quem elas sejam: esposa, esposo, filhos, parentes, amigos, colegas, mendigos, pedintes, etc. Primeiro, devemos tratar as pessoas como se nós fôssemos Jesus, pois tudo que fazemos, segundo o apóstolo, é feito em nome de Jesus, pois somos Seus representantes aqui na Terra. O segundo princípio que, como cristãos, devemos ter conosco é de tratar as pessoas como se elas fossem Jesus, ou seja, tratar o nosso próximo dando-lhe o mesmo respeito e consideração que daríamos ao próprio Senhor Jesus. 

Sendo assim, o respeito e a honra que devemos dar às pessoas devem ser os mesmos que Jesus receberia de nós. Foi sobre isso que Jesus se referiu quando falou da maneira que devemos tratar aqueles que têm fome e sede, que estão doentes, presos e necessitados. “Sempre que o fizestes a um destes meus irmãos, a mim o fizestes”, Mt. 25:40. Meu desejo é que nós, como igreja, nunca esqueçamos esses princípios fundamentais tanto para nosso testemunho quanto para nossa missão nesse mundo. 

Marianna Pontual é analista de Recursos Humanos e membro da igreja de Boa Viagem. Contato: marianna.all@hotmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário