quinta-feira, 7 de maio de 2015

Para quem você trabalha?

Reprodução
Quantas vezes já recebemos afazeres que diante dos nossos olhos pareciam difíceis demais, ou até impossíveis? Quantas vezes já estipulamos metas e tivemos que enfrentar uma “multidão” de pessoas dizendo que não íamos conseguir ou que nós não estávamos preparados para que pudéssemos alcançá-las? O que passou na sua cabeça quando você sofreu essa avalanche de “contra estímulo”? Você perseverou ou desistiu? 

Fico imaginando o que deve ter passado na cabeça de Noé e de Moisés, por exemplo, homens que andaram contra a corrente, que permaneceram firmes na sua fé, e que sabiam para quem trabalhavam. Noé construiu uma arca num tempo onde não se conhecia chuva, avisado que haveria um dilúvio; permaneceu firme na tarefa que Deus havia lhe dado, mesmo sob zombaria e falta de crença por parte do povo. 

Moisés guiou o povo de Israel, escolhido de Deus, para a liberdade; o povo foi alimentado, foi guiado para esta liberdade tão almejada. E ainda assim faziam exigências, reclamavam, sentiam saudade do que ofereciam os egípcios, mesmo sendo escravos deles. 

Onde será que Noé e Moisés encontraram forças para vencer as frustações das suas respectivas missões? Onde será que eles fixaram seus olhos para manter o foco das suas tarefas e alcançar as metas?

Penso que eles sabiam para quem trabalhavam! Eles sabiam que não estavam trabalhando para ganhar o reconhecimento do povo por mérito no que faziam. Eles sabiam, tinham uma convicção reta e certa no coração de que o seu trabalho era para Deus - o único Deus, e que eles haviam sido chamados por este grande e poderoso Deus para desempenhar o Seu trabalho aqui na terra. E você? Você sabe para quem trabalha?! Mesmo que pareça difícil, mantenha o seu foco! Deus quer te usar poderosamente! Feliz sábado! 

Nathália Souza é estudante de medicina e, na igreja de Boa Viagem, líder de Saúde

Nenhum comentário:

Postar um comentário